CFR Cluj e FCSB passam vergonha em quinta-feira de Liga Europa

Os últimos representantes romenos nas copas europeias da temporada, CFR Cluj e FCSB, foram derrotados pelos seus adversários com dois gols de diferença cada um e complicaram os caminhos rumo à fase de grupos. Enquanto os ferroviários perderam por 2 a 0 para o pequeno Dudelange, de Luxemburgo, a equipe de Bucareste foi derrotada pelo Rapid Viena. Os dois jogos foram fora da Romênia. As partidas de volta serão disputadas na quinta-feira, 30.

Derrota na Áustria
O FCSB foi a Viena para enfrentar o Rapid, no jogo de ida dos play-offs. Logo aos quatro minutos de jogo, Knasmüllner recebeu passe na entrada da área e colocou no canto esquerdo de Bălgradean: 1 a 0.

Chances foram criadas pelos dois times, mas foram os austríacos que se deram melhor. Aos 39′, o zagueiro Mario Sonnleitner subiu mais qe=ue Mihai Roman para ampliar.

A resposta do FCSB veio logo aos dois minutos da segunda etapa. Alexandru Stan pegou a sobra de uma jogada e cruzou para o artilheiro Harlem Gnohéré, que completou de primeira. O francês marcou todos os três gols do time nos três jogos da Liga Europa até aqui e é cotado para se naturalizar e atuar pela seleção romena.

O que parecia ser o começo de uma reação logo foi interrompido. Dois minutos depois, Murg atacou pela direita e cruzou. Bălgradean fez a ponte, mas espalmou para a entrada da área. Na sobra, Schwab chutou forte, no meio. O goleirão caiu errado e falhou. O placar foi fechado em 3 a 1.

Na Arena Națională, o FCSB precisará vencer por 2 a 0 ou por três gols de diferença para seguir adiante na competição.

Vexame em Luxemburgo
Após ter vencido o frágil Alashkert, da Armênia, por 7 a 0 no placar agregado, o CFR Cluj passou por um vexame ao ser derrotado pelo Dudelange, time de Luxemburgo que já tinha deixado para trás os poloneses do Légia Varsóvia. Júlio Baptista não foi relacionado para a partida.

O público de pouco mais de 2,5 mil presentes viu o placar ser aberto aos 22 da segunda etapa. Arlauskis fez uma defesa improvável à queima-roupa, mas o atacante David Turpel foi oportunista e esteve bem colocado para mandar para as redes.

Aos 35′, o meia Danel Sinani, de 21 anos, cobrou rasteiro por fora da barreira mal posicionada e fechou a conta: Dudelange 2×0 CFR Cluj. Os romenos martelaram, mas não conseguiram furar a defesa anfitriã, contando com um pouco de azar e com muito mérito do goleiro reserva Joé Frising. O titular, Jonathan Joubert, foi atingido pelo lateral direito Cristian Manea aos 9′ da segunda etapa e teve que ir para o hospital.

No Constantin Rădulescu, os ferroviários precisarão vencer por três gols de diferença para conseguir a classificação. Uma vitória por 2 a 0 leva o confronto à prorrogação. O Dudelange pode ser o primeiro time de Luxemburgo a alcançar a fase de grupos de uma copa europeia.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s