O CS Universitatea Craiova venceu o Dinamo Bucareste por 6×5 nos pênaltis após o 0x0 no tempo regulamentar e na prorrogação, e agora está nas semifinais da Copa da Romênia. A classificação histórica veio com um jogador a menos, depois de Baluta receber o cartão vermelho aos 18 do segundo tempo. A última vez que Craiova esteve nas semifinais da Copa da Romênia foi em 2005, quando o FC Universitatea perdeu a vaga na final para o Farul Constanta.

O Dinamo vinha de vários desfalques: com o goleiro Penedo ainda em viagem por causa da seleção panamenha e Branescu lesionado, quem estava no gol era o terceiro goleiro, o lituano Cerniauskas. Os atacantes Bawab e Nemec estavam em viagem com as seleções de Jordânia e Eslováquia, respectivamente. Desta forma, Rivaldinho teve a chance de estrear como titular nos Cães Vermelhos.

Durante o primeiro tempo, o CS Universitatea dominou o Dinamo no Municipal de Turnu Severin. Sempre tentando as jogadas pelas pontas, com o lateral direito búlgaro Dimitrov e o ponta esquerda Nicusor Bancu. O time teve três chances mais claras, quando Bancu cruzou da esquerda e Jazvic cabeceou rente ao travessão; num lance em que Baluta esteve cara-a-cara com Cerniauskas após pelo passe de Ivan, mas chutou em cima do goleiro, aos 30 minutos; e no no final da primeira etapa, quando após bate-rebate na área do Dinamo, Bancu emendou um belo chute, mas Cerniauskas mostrou serviço com uma boa defesa.

Bancu arranca pela ponta esquerda: ele tem sido um dos principais nomes do Craiova (foto: csuc.ro)
Bancu arranca pela ponta esquerda: ele tem sido um dos principais nomes do Craiova (foto: csuc.ro)

A situação passou a ficar dramática no segundo tempo, com os dois times mais nervosos. Aos 15, Baluta fez falta em Bumba com o pé alto, e três minutos depois, foi expulso por falta duvidosa em Popescu. Rivaldinho encerrou seu primeiro jogo como titular após ser substituído aos 22 do segundo tempo por Daniel Popa. Aos 28 minutos, Bancu invade a área em velocidade, Popescu chega atrasado e derruba o jogador do Craiova, mas o árbitro Ovidiu Hategan apontou simulação e cartão amarelo. O Dinamo teve grande chance aos 43, quando Hanca fez bom cruzamento pela direita, mas Patrick Petre chegou atrasado para completar com o gol quase aberto.

Na prorrogação, os dois times se abriram mais, resultando em várias chances de gol desperdiçadas para cada lado. No entanto, o placar não foi aberto após 120 minutos. Foi o terceiro 0x0 seguido tanto do CS Universitatea Craiova quanto do Dinamo. São 300 minutos sem marcar nem sofrer gols.

 

O brasileiro Gustavo, camisa 10 do Craiova, converte o primeiro pênalti do time (foto: csuc.ro)

A decisão foi para os pênaltis. Patrick Petre, recentemente cortado da seleção sub-21 por beber no avião com outros jogadores do Dinamo, perdeu o segundo pênalti do time mandando por cima do gol. No quarto pênalti, Screciu, de 17 anos,  cobrou mal Cerniauskas defendeu. Depois que Steliano Filip guardou o último pênalti do Dinamo, estava nos pés do goleiro moldavo Nicolai Calancea o destino do CS U Craiova: ou marcava e ia para as alternadas, ou perdia e o time estava eliminado por seu maior rival. E Calancea marcou com perfeição.

Nas alternadas, Daniel Popa e Renato Kelic marcaram. Na segunda série alternada, o moldavo Dan Spataru, do Dinamo, isolou de perna esquerda. O pênalti derradeiro ficava então para a principal estrela do CS Universitatea Craiova, atacante da seleção principal, Andrei Ivan. Ele já havia perdido um pênalti contra o próprio Dinamo no último jogo entre os dois times, válido pela primeira fase do Romenão. Mas não desta vez. Uma bomba rasteira, no canto, sem chances para Cerniauskas fez explodir o Municipal de Turnu Severin, fazer o torcedor invadir o campo e deixar o CS Universitatea Craiova mais perto do título.

O CS U Craiova se junta a ACS Poli Timisoara e Voluntari, os outros semifinalistas. A última vaga será decidida hoje, às 15h30 (horário de Brasília) entre Viitorul e Astra. É a primeira vez em quatro anos que um time de Bucareste não está nas semifinais da Copa da Romênia. A última ocasião foi na temporada 2012-13, quando Petrolul, Otelul, Astra e CFR Cluj foram os semifinalistas.

Os torcedores invadem o campo e vão às selfies com Ivan (foto: csuc.ro)
Os torcedores invadem o campo e vão às selfies com Ivan (foto: csuc.ro)

CS Universitatea Craiova 0x0 (6×5 P.K) Dinamo Bucareste – Estádio Municipal de Turnu Severin, Drobeta Turnu Severin, distrito de Mehedinti, Oltênia.
Quarta-feira, 29 de março de 2017
Público: aprox. 9,5 mil

CS U Craiova: Calancea; Dimitrov, Kelic, Popov (Mateiu-int), Briceag; Zlatinski (Gustavo 12′-2ºt.prorr), Screciu, Bancu; Ivan, Jazvic (Măzărache 30′-2ºt), Băluță.
Técnico: Gheorghe Mulțescu

Dinamo: Cerniauskas; Romera, M. Popescu, Dielna, Filip; Nistor, Busuladzic, Mahlangu (Spătaru 14′-2ºt); Hanca, Rivaldinho (D. Popa 22′-2ºt), Bumba (P. Petre 34′-2ºt).
Técnico: Cosmin Contra 

Expulsão: Alexandru Baluta (18′-2ºt)

Árbitro: Ovidiu Hategan

Pênaltis:
Hanca 1×1 Gustavo
Petre -x2 Briceag
Busuladzic 2×3 Bancu
Nistor 3x- Screciu
Filip 4×4 Calancea

D. Popa 5×5 Kelic
Spataru -x6 Ivan

 

Confira os melhores momentos:

 

E a cobrança de pênaltis:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s