Após a vitória do Astra sobre o Botosani por 3×0 ontem no Marin Anastasovici, em Giurgiu, a primeira fase do Romenão acabou e passou a régua entre o sexto e o sétimo colocado. Agora, os seis primeiros dos “play-offs” disputam título e vagas nas competições europeias, enquanto os oito últimos do “play-out” vão cumprir tabela ou lutar arduamente contra o rebaixamento. Nesta fase, cada time tem suas pontuações cortadas pela metade e joga em turno e returno contra os integrantes do seu grupo.

O play-off começa neste sábado, 11 de março, com Astra x CS U Craiova, em Giurgiu. O play-out inicia nesta sexta, dia 10, com o jogo entre Botosani e ACS Poli.

O play-off e o retorno de Craiova ao circuito europeu

É quase certo que Viitorul, Steaua/FCSB, Astra Giurgiu, CS Universitatea Craiova e Dinamo Bucareste estejam nas copas europeias em 2017-18. Isto porque como o CFR Cluj está impedido de disputar as competições continentais por estar em insolvência financeira, são quatro concorrentes para cinco vagas.

Além disso, há a questão Copa da Romênia, que dá vaga à Liga Europa. Dos oito remanescentes, quatro já disputam vaga através da Liga I: Viitorul, Astra, CS U Craiova e Dinamo. Em caso de título de uma destas equipes, uma nova vaga fica “em aberto” no play-off da Liga I. Neste caso, seriam cinco vagas (uma delas de um time campeão da Copa) para seis times. Mas como o CFR Cluj não pode aproveitá-la, os outros clubes se garantem em alguma copa europeia.

Tudo deixa o (CS) Universitatea Craiova com muitas chances de classificação, e até de título. Será a primeira vez em 17 anos que um time de Craiova chega a uma copa europeia. A última vez foi quando o Universitatea Craiova, já na fase pós-privatização e com o prenome Fotbal Club (FC), disputou a Copa da UEFA 2000-01.

Devido à grande mancha na história do futebol de Craiova que permanece após dois clubes de nome Universitatea Craiova terem disputado entre si a legitimidade no período 2013-14, a situação de títulos e estatísticas fica muito complicada. Por exemplo, caso o CS Universitatea seja campeão nesta temporada, seus torcedores dirão que é o quinto título. A resistência que não o reconhece dirá que é o primeiro, assim como a UEFA.

O play-out

O Gaz Metan encara o play-out de forma muito dolorosa. Afinal, o time esteve desde a 12ª rodada, a penúltima do primeiro turno, na zona de classificação para o play-off, e só saiu após perder para o CS U Craiova na última rodada da primeira fase. Agora, terá que jogar na parte de baixo da tabela, mas só um desastre absurdo rebaixaria o time.

O problema é do Voluntari para baixo. O Pandurii, por exemplo, tem apenas seis pontos nos últimos 13 jogos, e o Concordia Chiajna marcou 17 gols em 26 partidas, sendo o pior ataque da competição. A grande disputa será para escapar daquela repescagem contra o terceiro colocado da Liga II, já que ACS Poli e Târgu Mures já têm suas situações bastante comprometidas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s