Barboianu foi dispensado do Dinamo e acusado sem provas pelo dono do clube
Barboianu foi dispensado do Dinamo e acusado sem provas pelo dono do clube

O proprietário do Dinamo Bucareste, Ionut Negoita, foi suspenso do futebol por oito meses, após ter apresentado uma acusação sem fundamentos de que o lateral direito Stefan Barboianu teria sido pago para cometer erros na partida contra o Steaua/FCSB em 3 de maio deste ano. Três dias depois da partida, Negoita acusou Barboianu formalmente na Federação Romena de Futebol (FRF) e na Direção Nacional Anticorrupção (DNA) da Romênia, dizendo que sabia de todos os detalhes da fraude, mas nunca teve uma prova concreta. Assim, a Federação Romena de Futebol decidiu pela suspensão do cartola e por uma multa no valor de 50 mil Leus romenos (aprox. 39 mil reais).

Naquele clássico contra o Steaua/FCSB, Barboianu cometeu um pênalti grosseiro em Nicusor Stanciu, possibilitando que os rivais abrissem o placar. Dois dias depois da partida, o jogador foi dispensado do clube. Hoje, defende o Concordia Chiajna, e conforme o jornal esportivo ProSport, deve processar Negoita na justiça comum por calúnia, difamação e danos morais.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s