O ucraniano Protasov é o mais novo demitido da Liga I 2014-15 (foto: Getty Images)
O ucraniano Protasov é o mais novo demitido da Liga I 2014-15 (foto: Getty Images)

Uma das características mais invejadas por comentaristas e torcedores brasileiros em relação ao futebol europeu é a “cultura de técnicos”, a paciência, o prazo longo para o treinador colocar seu projeto em prática e começar a dar frutos. Esta é uma impressão que se tem ao acompanhar as quatro, cinco, seis, sete principais ligas europeias das 54 nacionais da UEFA, e pelo menos na Romênia, não existe nenhuma paciência com técnicos, ou paciência dos próprios. Ao fim da 19ª rodada, já foram feitas nada menos que 29 trocas de técnicos, entre acordos mútuos e decisões unilaterais, em 15 dos 18 clubes da Liga I.

Pelos 18 clubes da Liga I, já passaram 43 técnicos diferentes desde a primeira rodada, uma média de mais dois técnicos por equipe, e isso passadas apenas duas rodadas do returno da competição! Para se ter uma noção do exagero, a última temporada acabou com 46 treinadores, e no Campeonato Brasileiro do ano passado, 34 técnicos passaram pelos 20 clubes. Destes 43 de 2014-15 na Romênia, cinco assumiram como interinos: Ionel Danciulescu, no Dinamo; Dorian Gugu, no Pandurii; Francisc Dican, no CFR Cluj; Dan Florea, no Otelul; e Dan Matei, o único ainda no cargo, pelo Gaz Metan.

Leo Grozavu é exceção na Liga I: ele comanda o Botosani desde a temporada passada (foto: arquivo/mediafax)
Leo Grozavu é exceção na Liga I: ele comanda o Botosani desde a temporada passada (foto: arquivo/mediafax)

Apenas Concordia, Botosani e FCSB não trocaram de técnico durante a competição. Leo Grozavu segue no time da região da Moldávia desde o ano passado, assim como Marius Sumudica no time de Chiajna. Já o atual campeão FCSB deixou Laurentiu Reghecampf sair ao final de 2013-14 para o Al Hilal, da Arábia Saudita, e trouxe o ídolo e inexperiente técnico Constantin Gâlca. Dos 43, apenas estes continuam. No outro lado do ranking de longevidade no cargo está Marin Barbu, do Ceahlaul, que se demitiu na segunda rodada, após perder por 4×0 para o CFR Cluj fora de casa e para o Târgu Mures por 4×1 em Piatra Neamt.

Tirando as três equipes que ainda não trocaram seus técnicos, e o Gaz Metan Medias, todos os outros clubes já tiveram pelo menos três treinadores até a 19ª rodada, incluindo o CS Universitatea Craiova, que trocou o treinador apenas uma vez (Ionel Gane pela dupla Emil Sandoi e Sorin Cârtu). É uma média pouco menor que um técnico a cada seis partidas disputadas. Aqui, leva-se sem consideração que o Astra, que demitiu hoje o técnico Oleh Protasov, o substitua por alguém que não seja Daniel Isaila, ex-técnico do clube que hoje integra a comissão técnica da seleção romena. O clube que mais trocou de técnico até agora foi o vice-lanterna Otelul Galati, que com Tibor Selymes se demitindo e Florin Marin assumindo o cargo, chegou a três trocas. Michael Weiss e Daniel Florea, como interino, foram os outros treinadores do campeão romeno de 2010-11.

O CSMS Iasi só foi engrenar com Nicolò Napoli, o terceiro técnico do time na Liga I
O CSMS Iasi só foi engrenar com Nicolò Napoli, o terceiro técnico do time na Liga I

Dos 43 técnicos que já passaram pela Liga I cinco são estrangeiros, e três continuam no cargo. O brasileiro Zé Maria, do Ceahlaul, assumiu no começo do ano; o italiano Nicolò Napoli, ídolo do FC Universitatea Craiova, é o grande personagem da ascensão do CSMS Iasi na fuga do rebaixamento; o croata Vjekoslav Lokica, do Brasov, ainda não venceu em duas rodadas; o ucraniano Oleh Protasov foi demitido hoje do Astra, após acumular maus resultados e se distanciar da luta pelo título; e o alemão Michael Weiss , ex-técnico da seleção das Filipinas, foi demitido de um Otelul cada vez mais em colapso no ano passado.

As mais novas demissões foram a de George Ogararu, do Universitatea Cluj, no sábado, e a de Oleh Protasov, hoje. Após duas derrotas seguidas no returno, sábado para o Dinamo em Bucareste por 3×0 e na rodada anterior para o Târgu Mures na Cluj Arena, o proprietário Florian Walter substituiu-o hoje por Adrian Falub, que já havia passado pelo Târgu Mures nesta temporada. Ogararu implantou um projeto com transferências de jogadores da Holanda, onde passou boa parte de sua carreira como jogador, mas fez uma campanha pífia com os alvinegros de Cluj-Napoca. Flertou com a zona de rebaixamento acumulando sete derrotas, quatro empates e duas vitórias na Liga I (uma delas por 6×0 sobre o Ceahlaul em Piatra Neamt). Um dos poucos fatores positivos foi que Ogararu levou os Sepcile Rosii de volta às semifinais da Copa da Romênia depois de 20 anos. Já Protasov, que esteve no Astra desde 10 de outubro, foi demitido após conquistar duas vitórias na Liga I, uma na Liga Europa e uma na Copa da Liga e uma derrota em cada competição em 14 jogos no total. “Ele teve todo um período para preparar uma boa equipe, e não conseguiu”, justificou o presidente do Astra, Petre Buduru, ao ProSport. O clube de Giurgiu ainda não encontrou um substituto.

Os clubes e seus técnicos na Liga I:
Astra Giurgiu: Daniel Isaila e Oleh Protasov
Botosani: Leo Grozavu
Brasov: Cornel Talnar, Adrian Szabo e Vjekoslav Lokica
Ceahlaul Piatra Neamt: Marin Barbu, Florin Marin e Zé Maria
Concordia Chiajna: Marius Sumudica
CFR Cluj: Vasile Miriuta, Francisc Dican (interino) e Eugen Trica
CSMS Iasi: Marius Lacatus, Ionut Chirila e Nicolò Napoli
CS Universitatea Craiova: Ionel Gane e Emil Sandoi/Sorin Cârtu
Dinamo Bucareste: Flavius Stoican, Ionel Danciulescu (interino) e Mihai Teja
FCSB: Constantin Gâlca
Gaz Metan Medias: Cristian Dulca e Dan Matei (interino)
Otelul Galati: Michael Weiss, Daniel Florea (interino), Tibor Selymes e Florin Marin
Pandurii Târgu Jiu: Petre Grigoras, Dorian Gugu (interino) e Eduard Iordanescu
Petrolul Ploiesti: Razvan Lucescu, Gheorghe Multescu e Mircea Rednic
Rapid Bucareste: Ionel Ganea, Marian Rada e Cristian Pustai
Târgu Mures: Adrian Falub, Cristian Pustai e Liviu Ciobotariu
Universitatea Cluj: Mihai Teja, George Ogararu e Adrian Falub
Viitorul: Bogdan Stelea, Bogdan Vintila e Gheorghe Hagi

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s