Primeiro turno da Liga I acaba com surpresas em todas as partes da tabela, mas com o Steaua passeando

Sorin Cârtu e Emil Sandoi tiraram o CSU da degola e o levantaram na luta por uma vaga à Liga Europa
Sorin Cârtu e Emil Sandoi tiraram o CSU da degola e o levantaram na luta por uma vaga à Liga Europa

Acabou ontem a 17ª rodada da Liga I, e com ela, o ano para a elite do futebol romeno, que inicia agora uma “intertemporada” e retorna às atividades só em fevereiro. Na tabela, surpresas são vistas na parte de cima, no meio e na parte de baixo da tabela, só a equipe que lidera o campeonato não surpreende: é o Steaua, que passeia na Liga I com 43 pontos, nove a mais que o segundo colocado CFR Cluj.

Na parte de cima, Târgu Mures e CS U Craiova são surpresas muito positivas. Os ardeleni chegaram a alcançar o quarto lugar e terminaram o ano numa honrosa quinta posição e foi uma das duas equipes que venceu o líder Steaua. Já o CSU começou sem vitória nas seis primeiras rodadas, quando estava no comando de Ionel “Jerry” Gane. Mas chegaram os ídolos de Craiova Emil Sandoi e Sorin Cârtu para fazerem um trabalho conjunto, e o clube não perdeu desde então. Já são 11 jogos sem derrota, a última foi um 5×0 para o Astra, em Giurgiu, na sexta rodada. Vale também uma menção honrosa ao CFR Cluj, que mesmo em crise financeira ultrapassou Petrolul e Astra, tidos como as potências nacionais ao lado do Steaua. Os ceferisti estão em segundo, seguidos por Petrolul e Astra.

Seis dois 12 gols de Keseru vieram num único jogo, contra o Pandurii: 6x0 no Ghencea, seis de Keseru (foto: Cosmin Iftode
Seis dos 12 gols de Keseru vieram num único jogo, contra o Pandurii: 6×0 no Ghencea, seis de Keseru (foto: Cosmin Iftode)

No meio da tabela, temos uma grande decepção: o Dinamo Bucareste, que encerra 2014 num pífio quarto lugar e com uma campanha extremamente irregular: são sete vitórias, cinco empates e cinco derrotas, e com 26 gols sofridos, é a pior defesa entre os times que ocupam a primeira metade da tabela (do 1º ao 9º). Pra piorar, levou uma sacola do Astra fora de casa por 6×1 no último jogo do ano. Quem terminou o ano devendo foi o Pandurii, O destaque fica por conta dos tradicionais Universitatea Cluj e Brasov. O U Cluj chegou às semifinais da Copa da Romênia e, mesmo com elenco limitado e o clube em insolvência financeira, encerrou o ano fora da zona de rebaixamento, no 11º lugar. E ainda aplicando a maior goleada da competição, 6×0 sobre o Ceahlaul em Piatra Neamt. O Brasov, que perdeu na pré-temporada o seu principal jogador, Alexandru Mateiu, para o CSU, se manteve em 10º, chegando a alcançar a 8ª posição. Aliás, os stegari deveriam estar jogando a Liga II nesta temporada, mas o Vaslui, 5º colocado de 2013-14, não obteve a licença financeira para disputar a Liga I e foi rebaixado, e mais tarde, extinto. Assim, o Brasov, melhor colocado na zona de rebaixamento, se safou.

Na parte de baixo, a gigantesca zona de rebaixamento formada pelo 13º, 14º, 15º, 16º, 17º e 18º tem alguns times que não se esperaria que estivessem ali. Entre eles, o Gaz Metan Medias, que no começo da temporada alcançou o 5º lugar, agora está em 13º. Outras grandes decepções são clubes que já foram campeões da Liga I e hoje estão entre os principais candidatos ao rebaixamento: Otelul Galati, campeão de 2010-11, é o 17º colocado, e o Rapid, mesmo após ter sido vendido e a situação financeira ter ficado mais tranquila, não conseguiu escapar da lanterna. O time tem apenas 11 pontos, marcou sete gols e sofreu 24. O “grande” momento em que o clube apareceu foi no caso de racismo contra o atacante brasileiro Wellington, do Concordia Chiajna.

Para encerrar, confira as estatísticas da Liga I ao fim do primeiro turno:

GERAL

153 jogos disputados
375 gols marcados (média de 2,45 por partida)
792 cartões amarelos (média de 5,18 por partida)
72 cartões vermelhos (média de 0,46 por partida)
559 jogadores entraram em campo
106 jogos com vitória/derrota
47 empates

GOLS

Maior goleada:
Ceahlaul 0x6 Universitatea Cluj (17ª rodada, 6 de dezembro de 2014)
Steaua Bucareste 6×0 Pandurii Târgu Jiu (4ª rodada, 15 de agosto de 2014)
Artilheiro: Claudiu Keseru (Steaua): 12 gols
Líder em assistências: Lucian Sânmartean (Steaua)10 assistências
Melhor ataque: Steaua Bucareste (36 gols marcados)
Melhor defesa: Steaua Bucareste (8 gols sofridos)
Pior ataque: Rapid Bucareste e Otelul Galati (7 gols marcados)
Pior defesa: Ceahlaul Piatra Neamt (32 gols sofridos)
Primeiro gol: Kehinde Fatai (Astra Giurgiu), 11′-1ºt, Concordia Chiajna 0x2 Astra Giurgiu
Último gol de 2014: Filipe Teixeira (Petrolul Ploiesti), 16′-2ºt), Petrolul Ploiesti 2×2 Concordia Chiajna

SEQUÊNCIAS:
Maior série invicta: CSU Craiova (11 – da 7ª a 17ª rodada)
Maior série de vitórias: CFR Cluj (6 – da 4ª a 9ª rodada)
Maior série sem vitórias: CSMS Iasi (12 – da 1ª a 12ª rodada)
Maior série de derrotas: Otelul Galati (5 – da 7ª a 12ª rodada)

PÚBLICO
Maior público: 38.154Steaua Bucareste 3×0 Dinamo Bucareste (Arena Nationala, 31 de outubro de 2014)
Maior média de público (como mandante): CS U Craiova (aprox. 8 mil)
Menor média de público (como mandante): Viitorul (aprox. 1 mil)
Rodada com maior público: 1ª (42163)
Rodada com pior público: 12ª (15360)

PÊNALTIS
Equipe com mais pênaltis a favor: Viitorul (8 – 7 convertidos)
Equipe com mais pênaltis contra: Rapid Bucareste (7 – 5 convertidos)

CARTÕES
Equipe com menos cartões: Gaz Metan Medias (30 amarelos e 3 vermelhos)
Equipe com mais cartões: Rapid Bucareste (65 amarelos e 3 vermelhos)
Jogador com mais cartões amarelos: Gabriel Muresan (Târgu Mures) e Cristian Danci (Botosani): 8
Jogador com mais cartões vermelhos: Ioan Mera (Rapid Bucareste), Collins Fai (Dinamo Bucareste), Michael Ngadeu (Botosani), Ousmane N’Doye (Târgu Mures) e Pablo Brandán (CS U Craiova): 2

ESTRANGEIROS
País estrangeiro com mais jogadores: Brasil (21 – 1 goleiro, 4 defensores, 10 meio-campistas e 6 atacantes)

IDADE
Jogador mais velho: Daniel Pancu (Rapid Bucareste) nascido em 17 de agosto de 1977 (37 anos)
Jogador mais novo: Carlo Casap (Viitorul)
nascido em 29 de dezembro de 1998 (16 anos)

Dados: LPF.ro e Liga1.ro

Confira os gols de Ceahlaul 0x6 Universitatea Cluj. (Imagens: DolceSport)

Anúncios

Um comentário em “Primeiro turno da Liga I acaba com surpresas em todas as partes da tabela, mas com o Steaua passeando

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s