Piturca encerra sua era na Nationala e vai finalmente assumir o Al-Ittihad
Piturca encerra sua era na Nationala e vai finalmente assumir o Al-Ittihad

A Federação Romena de Futebol publicou ontem no site oficial que rescindiu o contrato com Victor Piturca numa decisão bilateral. O treinador vai assumir o Al-Ittihad, da Arábia Saudita, que já tinha entrado em negociações com o técnico no mês passado. Em coletiva de imprensa realizada hoje, o presidente da FRF, Razvan Burleanu, comentou que procura um substituto que seja romeno e tenha experiência internacional, dando margem para especulações de nomes como Cosmin Contra, Ladislau Bölöni, Cosmin Olăroiu e Dan Petrescu.

“Eu fiz [a Romênia] subir da posição 56 [no ranking da FIFA] para a 21, temos grandes chances de nos classificarmos [na Euro 2016]. Lamento sair da Nationala, mas na vida você precisa tomar decisões na hora certa, e acho que esta é a melhor decisão”, explicou Piturca, que na sequência simplesmente se levantou e deixou a entrevista sem avisar.

Burleanu seguiu a responder os jornalistas sem se manifestar sobre a saída súbita de Piturca da coletiva. Explicou que a decisão da rescisão já havia sido tomada antes do clássico contra a Hungria, e que a muito cara cláusula de rescisão do contrato comprometeu o relacionamento entre a FRF e o técnico. Piturca quis sair para o Al-Ittihad antes, mas não podia pois os sauditas não queriam pagar a rescisão.

“Piturca queria muito sair, e eu não tinha os meios para mantê-lo, e não era do meu interesse tentar mantê-lo à força. Lamentamos apenas que essa separação aconteceu antes do jogo contra a Irlanda do Norte [que são os líderes do Grupo F. A partida será em 14 de novembro]. Discutimos a possibilidade de Piturca treinar a equipe nesta partida, mas acabamos desistindo”, explicou Burleanu, que pretendia manter Piturca apesar de ter assumido a presidência da FRF neste ano como esperança de renovação na gestão do futebol romeno que foi gerido por Mircea Sandu por 30 anos (a idade de Burleanu).

Piturca encerra sua terceira passagem como técnico da seleção principal  após ter assumido o cargo em 11 de agosto de 2011. Deste então, foram 17 vitórias, nove empates e oito derrotas acumuladas, tendo 59% de aproveitamento. Nestes três anos, a seleção não se classificou para a Copa do Mundo – foi eliminada pela Grécia na repescagem – e nem para a Eurocopa 2012. O pivô da desfiliação do FC Universitatea Craiova em 2011 também treinou a Nationala em 1998-99 e de 2004 a 2009.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s