Goleiro do CS U Craiova colabora, e Rapid se classifica para as oitavas da Copa da Liga

Ciolacu comemora o gol da classificação sobre o CS U Craiova (foto: Mediafax)
Ciolacu comemora o gol da classificação sobre o CS U Craiova (foto: Mediafax)
Blitz de Craiova: Bancu tenta o cabeceio, Tînc afasta no último segundo foto: csuc.ro)
Blitz de Craiova: Bancu tenta o cabeceio, Tînc afasta no último segundo foto: csuc.ro)

A Copa da Liga Romena começou hoje com a eliminação de um dos clubes de melhor orçamento no país, o CS Universitatea Craiova. A equipe que fez nada menos que 14 reforços para a temporada (entre eles o ex-lateral direito do FC Universitatea Craiova, Ovidiu Dananae, e o ex-zagueiro Stephane Acka) estreou decepcionando seus torcedores com a derrota para o Rapid por 1×0 no Estádio Giulesti, em Bucareste. A equipe da capital se classificou para as oitavas-de-final do torneio e vai enfrentar o Steaua no próximo sábado.

O jogo começou muito lento, com as duas equipes trocando passes sem objetividade no meio-campo truncado. Apesar do CSU ter ensaiado um domínio nos primeiros minutos, quem teve a primeira chance foi o Rapid. Aos 13 do primeiro tempo, Pancu cobrou uma falta da intermediária com um chute rasteiro, e o goleiro Brac se enrolou para botar a bola para escanteio. Aos 30 minutos, Mateiu invadiu a grande área do Rapid, e caiu pedindo pênalti. O meia havia sido puxado pela camisa, mas o árbitro George Radulescu mandou o jogo seguir.

Aos 40 minutos o CS U Craiova passou finalmente a ser mais incisivo nos ataques. Baluta cruzou da quina da grande área e passou por toda a defesa do Rapid. Quando Bancu estava pronto para cabecear para o gol aberto, Tînc afastou de cabeça no último instante. Na sequência, a defesa do Rapid parou e Baluta cabeceou bonito após cruzamento vindo da esquerda, mas o goleiro Draghia se esticou para fazer uma boa defesa e jogar para fora.

Baluta é marcado por Selagea (20) e Stoica (21) (foto: csuc.ro)
Baluta é marcado por Selagea (20) e Stoica (21) (foto: csuc.ro)

Na segunda etapa, o Rapid foi objetivo e contou com uma falha do goleiro Bojan Brac. Aos sete minutos, o atacante Andrei Ciolacu recebeu um lançamento muito longo. O goleiro do CS U Craiova foi sair do gol para cabecear, mas não teve o mesmo sucesso do campeão mundial Manuel Neuer. Num furo bizarro do adversário, Ciolacu aproveito e com o gol aberto, abriu o placar para o time da casa.

A chance do empate veio aos 24 minutos, durante uma blitz do time do técnico Ionel Gane. O camisa 9 do CS U Craiova, Costin Curelea, recebeu livre dentro da pequena área, mas conseguiu mandar muito longe do gol. Outra boa chance aconteceu com Herghelegiu, que mesmo caindo, conseguiu finalizar da marca do pênalti, mas o goleiro Draghia fez outra grande defesa para escanteio.

O CS Universitatea Craiova martelou e o Rapid parou de atacar depois do gol de Ciolacu, mas a boa organização da defesa armada pelo técnico interino Marian Rada e a péssima tarde dos atacantes do CSU deixou o placar mesmo em 1×0. E para encerrar o dia da equipe visitante, Ovidiu Dananae, uma das principais contratações para a temporada e que jogou no FC Universitatea Craiova de 2004 a 2011, foi expulso. O lateral-direito recebeu o segundo cartão amarelo depois de cometer uma falta aos 48 minutos da segunda etapa.

O Rapid segue na Copa da Liga e vai enfrentar o Steaua Bucareste neste sábado nas oitavas de final. Já o CS U Craiova volta a campo no dia 25, quando recebe o Pandurii Târgu Jiu na estreia da Liga I.

Confira a falha grotesca de Bojan Brac no gol do Rapid:

 Rapid Bucareste 1×0 CS Universitatea CraiovaEstádio Valentin Stanescu (Giulesti), Bucareste, Romênia
Quarta-feira, 16 de julho de 2014

20101228131844!Logo_Rapid_BucurestiRapid Bucareste: Drăghia; Tînc, Iacob, Coman, C. Păun; Negru, Săndulescu, Selagea, Stoica; Ciolacu (Calin 48′-2ºt) e Pancu (Martin 50′-2ºt)
Técnico: Marian Rada

CS_U_CraiovaCS Universitatea Craiova:  Brac; Dănănae, Kay, Frasinescu, Vatajelu; Madson, Bancu (Neacsa 18′-2ºt); Ivan (Herghelegiu-int.), Mateiu, Băluţă; Curelea
Técnico: Ionel Gane

 Trio de arbitragem: George Radulescu (Bucareste), auxiliado por Marius Nicioara (Baile Herculane), Sebastian Stoianov (Constanta)

Gol: Andrei Ciolacu (71-2ºt)

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s