Depois de 1999, Chivu não jogou por nenhum clube romeno (foto: Goal.com)
Depois de 1999, Chivu não jogou por nenhum clube romeno (foto: Goal.com)

O zagueiro e lateral-esquerdo Cristian Chivu se aposentou no final de janeiro, as 33 anos, depois das inúmeras graves lesões que sofria nas últimas temporadas pela Internazionale. Agora, o presidente Razvan Burleanu pretende levar para sua equipe da FRF o ex-jogador que acumulou 75 partidas pela seleção romena ao longo da carreira. Apesar de ter anunciado o fim da carreira em janeiro de 2014, Chivu já não jogava desde 5 de maio de 2013, quando disputou uma partida contra a Napoli no Sao Paolo, com derrota por 3×1.

Chivu apoiava outro ex-capitão da seleção romena e seu ex-empresário, Gheorghe Popescu, nas eleições para presidente da FRF. Mas Popescu foi condenado à prisão na véspera, e Burleanu falou ao DigiSport que já se reuniu com Chivu, e que deverá ter novidades a anunciar nos próximos dias. O ex-jogador da Internazionale deverá ocupar um cargo importante na nova organização da FRF, segundo Burleanu.

Razvan Burleanu, de 29 anos, é tratado por muitos como a esperança para trazer o futebol romeno de volta ao alto nível. Após 24 anos de mandato do ex-jogador Mircea Sandu, o ex-presidente da Federação Romena de Futebol Suíço venceu Vasile Avram no segundo turno. Outro candidato, Gheorghe Chivorchian, cedeu seus votos a Burleanu no segundo turno e foi nomeado secretário-geral da federação após as eleições, tornando-se o braço direito do novo presidente.

Cristian Chivu nasceu em Resita e foi revelado em 1997 no hoje extinto CSM Resita, time tradicional do distrito de Caras Severin, na Transilvânia. Em 1998-99,  aos 18 anos, jogou pelo Universitatea Craiova (na época o único Universitatea que existia do qual ninguém contestava a história, o FC). Os Stiinta não seguraram a promessa, que foi para o Ajax e nunca mais voltou para jogar na Romênia. Ficou no maior da Holanda até 2003. De 2003 a 2007, jogou na Roma, e desde 2007 esteve na Internazionale, onde disputou 115 partidas. Uma transferência para o CS U Craiova em 2014 chegou a ser especulada. De 1999 a 2011, jogou na seleção romena, participando de 75 jogos e marcando três gols. O primeiro deles foi no histórico Romênia 3×2 Inglaterra, que levou a Nationala para as quartas-de-final da Eurocopa 2000.

A carreira de Chivu foi repleta de títulos:

Ajax:
Campeonato Holandês: 2001-02
Copa da Holanda: 2001-02
Supercopa da Holanda: 2002

Roma:
Coppa Italia: 2007-08

Internazionale:
Campeonato Italiano: 2008-09 e 2009-10
Coppa Italia: 2009-10, 2010-11
Supercoppa Italiana: 2008, 2010
Liga dos Campeões da UEFA: 2009-10
Copa do Mundo de Clubes da FIFA: 2010

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s