Do avesso: Craiova Forum entrevista O Craiovano

Capa do jornal semanal Craiova Forum. abaixo do destaque ao trabalho desenvolvido por O Craiovano, uma coluna sobre a má fase do futebol na cidade, e a peça gráfica, sobre a candidatura de Craiova como capital cultural europeia de 2021.
Capa do jornal semanal Craiova Forum. Abaixo do destaque ao trabalho desenvolvido por O Craiovano, uma coluna sobre a má fase do futebol na cidade, e a peça gráfica, sobre a candidatura de Craiova para capital cultural europeia de 2021.

O Craiovano já apareceu no Verminosos por Futebol, na Editie Speciala, no Ora de Dolj, no Stiri de Sport, no blog Tiki Taka, e nesta semana, no jornal semanal Craiova Forum. Mas esta foi a primeira vez em que o repórter romeno, de fato, me entrevistou (no Verminosos fui entrevistado também). Preparou uma série de perguntas, me achou no Facebook e fez a entrevista. Na Editie Speciala, foi feita a pergunta para explicar por cima o projeto de fazer o documentário, mas entrevista mesmo, foi no Craiova Forum. E foi difícil, porque, apesar de eu ter pedido que as perguntas estivessem em inglês, elas vieram em romeno. Lá fui eu me virar pra responder em romeno ao repórter Florin Tomescu, mas no fim, deu tudo certo. Minhas palavras não estão exatamente como eu as quis dizer, porque o Florin teve que adaptar minhas fracas frases em romeno para algo inteligível. Mas ele se saiu bem. Va multumesc pentru interviu, Florin!!

Colo aqui, pra quem se interessar, a tradução na íntegra da entrevista feita ao Craiova Forum. A tradução foi a mais fiel possível ao texto do jornal, com umas notinhas entre colchetes. Note que o Brasil, no parágrafo de introdução na capa, não foi lembrado por Samba, futebol, Carnaval ou Pelé. No texto, eu uso a mesma expressão, mas não a mencionei nas respostas originais.

A matéria foi compartilhada pela página dedicada ao FC Universitatea Craiova, Stiinta Suntem Noi, falando o seguinte: “A história de João Vítor Roberge, do Brasil, é genial. Descobriu a equipe Universitatea Craiova jogando futebol virtual e, alguns anos mais tarde, virá para fazer um documentário sobre ela para o trabalho de conclusão de curso de jornalismo. O documentário que ele fará será traduzido para inglês e romeno [e é o que pretendo mesmo]. João nunca foi à Romênia, mas sabe muitas coisas sobre o país, em especial sobre Craiova, a cidade da equipe que lhe despertou tanta paixão”.

Abaixo, a entrevista:

Um brasileiro que nunca viu a Romênia defende o TCC com a história do Universitatea Craiova

A paixão pela equipe favorita não leva em conta a distância. Entre Craiova e Florianópolis, estão aproximadamente 11 mil km, mas não impede que João Vítor Roberge sonhe em um dia chegar à cidade do Rio Jiu, para conhecer os ídolos. O jovem, de 20 anos e estudante de Jornalismo, aprende romeno pela Internet e se propôs a fazer, como trabalho de conclusão de curso, um documentário sobre a história do futebol de Craiova. João Vítor Roberge falou, ao Craiova Forum, sobre no que o documentário consiste, e como é visto o futebol de Craiova no país do café”.

Ele se apaixonou pelas cores alviazuis ainda na infância, depois que as conheceu através de um jogo de computador [Football Manager 2006]. Gostou e decidiu aprender a história do Universitatea Craiova. “Conheci o futebol de Craiova quando tinha 12 anos, em 2006. Meu amigo jogava Football Manager, e tava treinando o FC Universitatea Craiova. Naquele momento eu não sabia nada sobre o clube, mas passei a gostar e decidi aprender mais. Entre 2008 e 2009 descobri a história da equipe de Craiova, me apaixonei por ela e comecei a ir aprendendo”, lembra João.

O interesse pelo futebol da cidade levou o futuro mestre na escrita [alguma expressão pra futuro jornalista, que consegui traduzir só assim], a escolher como tema para o trabalho de conclusão de curso o futebol de Craiova. Mais exatamente, João Vítor Roberge quer focar na “disputa” entre as duas equipes do Distrito de Dolj, CS Universitatea e FC Universitatea Craiova. Os desempenhos dos antigos craques da “Craiova Maxima” Ilie Balaci, Gheorghita Geolgau e Silviu Lung, mas também a “guerra”, entre o proprietário da equipe FC Universitatea Craiova, Adrian Mititelu, e a prefeita da cidade de Craiova, Lia Olguta Vasilescu, estarão entre os principais assuntos do documentário que aparecerá no ano que vem.

Craiova Forum: Temos ouvido sobre sua vontade de vir à Romênia para fazer um documentário sobre a história de Craiova. Mais exatamente, do que se trata?
João Vítor Roberge: Quero fazer um documentário sobre a história do Universitatea Craiova, desde 1948. Mas, com um foco na na rivalidade CS Universitatea e FC Universitatea Craiova. É uma história fantástica, mas triste. Uma história que eu quero que seja conhecida pelos brasileiros. Nós só consumimos Barcelona, Real Madrid, Manchester United, Chelsea, Bayern, PSG, e os fãs de futebol precisam conhecer outras histórias, de outros países. Este projeto será meu trabalho de conclusão de curso na faculdade de jornalismo.

O documentário, realizado em língua portuguesa, será traduzido para romeno e inglês

CF – Neste documentário aparecerão os grandes jogadores do passado do futebol de Craiova? E entre os jogadores que estão atualmente nas duas equipes, você tem algum escolhido?
JVR – Quero entrevistar muitas pessoas que são ligadas aos dois clubes.  Ilie Balaci, Nicolo Napoli, Madalin Ciuca, Robert Saceanu, Ovidiu Stinga, Silviu Lung, Ion Geolgau. E quero abordar no meu TCC a disputa entre a prefeita da cidade de Craiova, Lia Olguta Vasilescu, e o proprietário da equipe FC Universitatea Craiova, Adrian Mititelu. Quero entrevistar Ovidiu Ioanitoaia, um grande jornalista esportivo de vocês aí. O documentário terá legendas nas línguas romena, inglesa e portuguesa.

CF – Quando você pretende vir à Romênia?
JVR – Em setembro de 2015, depois que terminar a faculdade [não era bem isso, devo ter me expressado mal, queria dizer que era quando chegasse ao final do curso]. Se eu tiver problemas pra me formar, em 2016. É mais complicado, preciso de dinheiro para ir, ainda procuro patrocínio e e já tenho um projeto para arrecadar dinheiro. É uma viagem muito cara pra mim.

CF – Algumas das lendas do futebol de Craiova estão no CS Universitatea Craiova, o que você tem a falar disso?
JVR – É complicado… Penso que eles estão fartos do Mititelu, que cometeu erros graves ao longo do tempo. Geolgau, Tilihoi, Silviu Lung e os outros fizeram do Universitatea Craiova uma das melhores equipes da Romênia e da Europa. Ver esta situação é difícil pra eles. Parece que o CS Universitatea Craiova tem boas perspectivas. Eles não acreditam mais no FC Universitatea. Não sou muito de acordo com isso, mas não tem o que fazer. Preciso respeitar estas pessoas.

Treinador virtual, para Ciuca, Saceanu e cia

Até conhecer seus ídolos Vítor Roberge treina virtualmente Ciuca, Saceanu e os outros jogadores do FC Universitatea Craiova, mas sem resultados especiais

CF: Sabemos que você é um fã de jogos de computador, na realidade a equipe de Craiova está na Liga II, e no meio virtual, como estão as coisas?
JVR: (Risos)… No jogo, a situação não é muito diferente da realidade. Estou no sétimo lugar da Liga II. É muito difícil treinar uma equipe nesta situação. Me lembro de um jogo contra o meu pai, que é um bom jogador de Pro Evolution Soccer. Foi uma disputa entre FC Universitatea Craiova e Paris Saint-Germain, o placar final foi 1×0 para os oltênios. Stoianof marcou o gol, depois de um passe sensacional de Saceanu. Bom desempenho, no meio virtual, eu faço com meu time do coração, Vasco da Gama.

Torcedores de Craiova, mais eufóricos que os brasileiros

JVR: Os torcedores de Craiova são fantásticos, fanáticos. São parecidos com os torcedores brasileiros, apesar de que aqui não se participa da vida do clube de forma tão ativa como fazem os de Craiova. Mas não sei se posso comparar os torcedores de Craiova com os brasileiros, porque têm cultura e história diferentes.

A paixão pelo jornalismo, unida às cores alviazuis, fez Roberge abrir um blog no qual escreve periodicamente as informações futebolísticas da cidade.

CF: Como é visto o futebol de Craiova no Brasil?
JVR: Sinceramente, os brasileiros não têm opinião definida sobre o futebol de Craiova [porque mal o conhecem], mas alguns gostam. Infelizmente alguns colegas meus não gostam do projeto, isso me desencoraja um pouco. Muitas pessoas se apaixonaram pelo futebol romeno depois dos desempenhos das seleções romenas de 1970 e 1994. Apesar disso, não vemos o campeonato romeno por aqui, o inglês, o italiano, o espanhol e o alemão são prioridade.

CF: Você tem um blog muito bem documentado, com as informações do futebol de Craiova. Você chegou a fazer uma comunidade de fãs por sua causa?
JVR: Não posso dizer que o Brasil inteiro conhece o futebol de Craiova. mas existem pessoas no país do café [gostei do”país do café”, é sensacional] que estão cientes do que acontecem no futebol de Craiova por causa do meu blog, que é a única fonte escrita em português que oferece informações sobre o futebol de Craiova. Não quero me gabar, mas acho que há pessoas no Brasil que se tornaram fãs do FC Universitatea Craiova depois de lerem as informações no meu blog. [não me expressei bem aqui. Não falei sobre me gabar, afirmei que há fãs do clube depois d’O Craiovano após ler mensagens de leitores].

João Vítor Roberge pretende, no ano de 2015, visitar a Romênia, principalmente Craiova

Anúncios

4 comentários em “Do avesso: Craiova Forum entrevista O Craiovano

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s