1º Clássico de Craiova acaba sem gols e com briga generalizada

Briga entre os dois clubes de Craiova foi o destaque negativo do 0x0 (fotos: Fanatik.ro)
Briga entre os dois clubes de Craiova foi o destaque negativo do 0x0 (fotos: Fanatik.ro)

Apesar das ameaças de Adrian Mititelu de sabotar a partida caso o confronto não fosse em Craiova, o jogo mais esperado do ano em toda a Oltênia foi realizado e teve maior público de todas as partidas que Fotbal Club Universitatea Craiova e Clubul Sportiv Universitatea Craiova haviam feito até aqui. Cerca de 9000 torcedores foram ao Estádio Municipal de Severin, apelidado de Estádio Ion Oblemenco de Severin por Adrian Mititelu.

"Não existe rivalidade entre nós e as prostitutas" - diz uma das faixas da torcida do FC"
“Não existe rivalidade entre nós e as prostitutas” – diz uma das faixas da torcida do FC”

A 112km de Craiova, a atmosfera entre as equipes era de rivalidade pura, embora os torcedores do FC não queiram considerar o CS como um rival, e sim como um clube pequeno e insignificante. “Não há rivalidade entre nós e as prostitutas. Chupa, Olguta”, dizia uma das várias faixas no estádio, esta em protesto contra o CS e Lia Olguta Vasilescu. Alguns jornais da Oltênia tratavam a partida como “A Guerra Civil de Craiova” durante esta semana, mas o público que foi a Drobeta-Turnu Severin era quase todo Fotbal Club Universitatea Craiova.

Mitic perde a chance do jogo para os Stiinta
Mitic perde a chance do jogo para os Stiinta

A equipe do técnico Nicolo Napoli dominou todo o primeiro tempo, mas falhou muitas finalizações. Uma delas era uma chance clara. O lateral Mitic recebeu a sobre de um escanteio cobrado por Frasineanu e com o gol aberto, cabeceou na trave. O Clubul Sportiv apareceu um pouco mais no segundo tempo, mas os Stiinta foram superiores. Aos 16 minutos do segundo tempo, o australiano Michael Baird marcou um gol anulado por falta de ataque. Com muitas chances desperdiçadas e em um jogo truncado, o primeiro confronto entre Fotbal Club Universitatea Craiova e Clubul Sportiv Universitatea Craiova acabou mesmo em 0x0. Ionut Mirzeanu falou com O Craiovano sobre a partida: “Infelizmente a sorte não estava do nosso lado. Mas hoje só houve uma equipe em campo, e foi o Fotbal Club Universitatea Craiova”.

Mas o jogo ficou marcado pelo que aconteceu depois do apito final do árbitro da FIFA Alexandru Tudor. Os ânimos finalmente se exaltaram como alguns já esperavam, com os jogadores do CSU indo até os torcedores do Fotbal Club agradecer o suposto apoio. A torcida vaiou os visitantes e os Stiinta foram até os rivais para tirar satisfações, iniciando uma briga generalizada, com jogadores e comissão técnica dos dois clubes. “Como já nos levaram o estádio em Craiova, acho que queriam levar também alguns torcedores. Mas eles são seres vivos, e não vão roubá-los de nós tão fácil”, disse Adrian Mititelu à Gazeta Sporturilor.

Depois que os ânimos se acalmaram dentro do estádio, Adrian Mititelu chegava ao estacionamento quando Pavel Badea, presidente do CSU e ex-jogador do Fotbal Club na geração Craiova Maxima, tentou atacá-lo. Badea foi rapidamente afastado pelos seguranças e pelas outras pessoas que estava com o dono do Universitatea Craiova. Após se acalmar, o presidente do CSU contou aos jornalistas presentes que sua carteira foi roubada dentro do Municipal de Severin.

Foi a primeira partida desde o retorno do FC Universitatea Craiova em que o clube não marcou nenhum gol. O resultado em zero a zero foi ruim para os dois times, que ao fim da segunda rodada se encontram em 8º lugar na tabela, na zona da repescagem contra o rebaixamento. O próximo clássico acontecerá no returno da competição, no Estádio Ion Oblemenco, em Craiova. Apesar disso, a equipe do técnico Nicolo Napoli já soma 11 jogos sem perder, e continua a invencibilidade desde que o clube recuperou o direito de jogar.

FC Universitatea Craiova 0x0 CS U Craiova

FC Universitatea Craiova: Hotoboc; Mitic, Acka, Ciucă, Cruceru; Mirzeanu, Săceanu, Robert Căle (Balan 24′-2ºt), Frăsineanu (Goge 15′-2ºt); Baird, Stoianof.
Técnico: Nicolo Napoli

CS Universitatea Craiova: Brac; Cârjă, Pătraşcu, Ljubinkovic, I. Stancu; Pârvu, Dragalina, Ganea (Dragu 31′-2ºt), Gado; Sin (Precup – int.), Dragicevic (Voinea 36′-2ºt).
Técnico: Erik Lincar

Cartões Amarelos: Stoianof (FC); Pârvu, Dragalina (CS)

Trio de arbiragem: Alexandru Tudor, auxiliado Cristian Nica e Ciprian Danşa

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s